.

.

SEGUIDORES DO BLOG

.

.

CALENDÁRIO NEGRO - JUNHO

JUNHO

1 - Nasce nos Estados Unidos o ator e diretor Morgan Freeman. (1937)
2 - O pugilista Joe Louis conquista em Chicago (EUA) o título de Campeão Mundial de Boxe na categoria peso-pesado, ao nocautear James J. Bradock. (1937)
4 - Nasce em Bamako, Mali, Modibo Keita, professor, ex secretário-geral do partido da União Democrática Africana, presidente do Mali em 1960. (1915)
4 - Nasce no Rio de Janeiro (RJ), o compositor Anescar Pereira Filho - Anescarzinho do Salgueiro, autor do clássico samba-enredo "Chica da Silva". (1929)
5 - Dia Internacional de Solidariedade ao Povo Moçambicano.
6 - Nasce na cidade de Salvador (BA), o ator, diretor cinematográfico e vereador Antonio Luiz Sampaio, Antonio Pitanga. (1939)
7 - Publicação da Lei n. 420, Cap. III, Art. 2, proibindo escravos de aprender ofícios.
7 - Nasce em Campos do Rio Real (SE), o filósofo, poeta e jurista Tobias Barreto de Menezes. Entre suas obras destacam-se: "Ensaios e Estudos de Filosofia e Crítica", "Dias e Noites", "Um discurso em mangas de camisa", "Introdução ao Estudo do Direito".(1839)
7 - Nasce no Morro do Salgueiro (RJ), o compositor, partideiro, Geraldo Soares de Carvalho. Geraldo Babão. (1926)
7 - Nasce no bairro da Saúde, Rio de Janeiro (RJ) a cantora e compositora Adiléia Silva da Rocha - Dolores Duran. (1930)
7 - Nasce em São Paulo (SP), lateral-direito da Seleção Brasileira de Futebol, Marcos Evangelista de Moraes, Cafu. (1970)
9 - O centro-médio da seleção uruguaia de futebol José Leandro Andrade é o primeiro negro a conquistar uma medalha olímpica, ao derrotar a Seleção Suíça na final dos Jogos de Paris. (1924)
10 - Aprovada a Lei Penal do Escravo instituindo: Art. 1. - Serão punidos com a pena de morte os escravos e escravas que matarem, por qualquer maneira que seja, propinarem veneno, ferirem gravemente ou fizerem outra qualquer grave ofensa física, a seu senhor, a sua mulher, a descendentes ou ascendentes, que em sua companhia morarem, a administrador, feitor, e as suas mulheres, que com eles viverem.
11 - Nelson Mandela, Walter Sisulo, Elias Motsoaledi, Govan Mbeki, Raymond Mhlaba, Achmat Kathrada, Dennis Goldberg, Elias Motsoaledi são condenados a prisão perpétua. (1964)
11 - Atendendo as reivindicações feitas pelo Centro de Estudos Afro-Orientais, em 1983, e das entidades negras, em 1984, o então Secretário de Educação da Bahia, Prof. Edivaldo Boaventura, assina a portaria n. 6068, incluindo nos currículos de 1º e 2º Graus a disciplina Introdução aos Estudos Africanos. (1985)
12 - Nasce na Rua Santa Luzia (RJ), o compositor Paulo Benjamin de Oliveira, Paulo da Portela, o primeiro sambista a desempenhar as funções de relações - públicas de escola de samba, um dos fundadores da Escola de Samba Portela. Compôs : "Roleta", "Cidade Mulher", "Desprezo". (1901)
13 - Dia consagrado ao orixá Exu, no Rio de Janeiro, e Ogum, na Bahia. - Orixá mensageiro entre os homens e os deuses, seu elemento é o fogo. É associado à fertilização e a força transformadora das coisas. Espírito justo, porém, vingativo, nada executa sem obter algo em troca e não esquece de cobrar as promessas feitas a ele; a primeira oferenda é sempre sua. Seu dia é a segunda-feira. Cores: preto e vermelho e a saudação é Laroiê!
13 - Nasce em Porto Alegre (RS) Luciana Lealdina de Araújo - Mãe Preta. (1870)
13 - Tem início o Congresso Internacional "Escravidão e Abolição" (UFRJ,UFF), em Niterói e no Rio de Janeiro. (1988)
13 - As forças militares sul-africanas através de um ataque surpresa contra Gaberones, Botsuana, mata quinze pessoas, entre elas, três mulheres e uma criança, que supostamente estariam abrigando, em suas casas, guerrilheiros do CNA sul-africano. (1985) (3)
14 - Nasce no Rio de Janeiro o instrumentista e compositor Wilson das Neves. (1936)
14 - Nasce no bairro de Triagem, Rio de Janeiro, o cantor e percussionista Carlos Negreiros. (1942)
15 – Henry, O Flipper, torna-se o primeiro negro graduado pela Academia Militar de West Point. (1877)
15 - Nilo Peçanha assume a Presidência da República, no Brasil. (1909)
16 - Dia Internacional de Solidariedade a Luta do Povo da áfrica do Sul.
16 - Massacre de Soweto. (1976)
16 - Surge em Campinas (SP) o jornal Correio de ébano. (1963)
16 - Criação no Rio de Janeiro, do NZINGA - Coletivo de Mulheres Negras. (1983)
17 - Chega ao Rio de Janeiro, o pernambucano Hilário Jovino Ferreira - Lalau de Ouro, fundador do Rancho Rei de Ouro, o mais fecundo fundador de ranchos e sujos do carnaval carioca. (1872)
17 - O Brasil reconhece a independência da Guiné - Bissau. Primeiro país da chamada "África portuguesa" a se tornar independente. (1974)
18 - Coreta Scott e Martin Luther King Jr. casam-se no Alabama (EUA). (1953)
18 - Nasce em Atibaia, o jogador de futebol Onofre de Souza, Sabará. (1931)
20 - O líder, sul-africano, Nelson Mandela é aclamado por cerca de 800 mil pessoas nas ruas de Manhattan, Nova Iorque (EUA). (1990)
21 - Nasce na cidade de Salvador (BA), Luiz Gonzaga Pinto da Gama - Luiz Gama, escritor, fundador da imprensa humorística em São Paulo, advogado autodidata, conseguiu libertar nos tribunais, mais de quinhentos escravos fugidos. (1830)
21 - Nasce no Morro do Livramento, Rio de Janeiro, Joaquim Maria Machado de Assis, poeta, romancista, crítico, contista e cronista, primeiro presidente da Academia Brasileira de Letras, autor de "A Mão e a Luva", "Memórias Póstumas de Brás Cubas", "Quincas Borba", "Dom Casmurro", entre outras obras. (1839)
21 - É inaugurado no Largo do Aroche (SP), um busto em homenagem a Luís Gama, em homenagem ao seu centenário de nascimento. (1930)
22 - Nasce em São Pedro, Caxias do Maranhão (MA), o ator, escritor, bailarino e diretor teatral Ubirajara Fidalgo da Silva - Ubirajara Fidalgo. (1949)
23 - Nasce no Rio de Janeiro, a cantora Elza da Conceição Gomes - Elza Soares. (1937)
23 - Realiza-se em Quibdó, Colômbia, o V Encontro da Pastoral Afro - americana. (1991)
24 - Nasce na Vila São José, Encruzilhada do Sul, distrito de Rio Pardo (RS), João Cândido Felisberto, o "Almirante Negro", líder da Revolta da Chibata". (1880)
24 - Nasce o poeta Lino Guedes. (1897)
24 - Nasce na cidade do Rio de Janeiro, o Marechal João Baptista de Mattos. (1900)
24 - Nasce na Fazenda da Saudade, Marquês de Valença (RJ), Maria Joanna Monteiro, Vovó Maria Joana Rezadeira. (1902)
25 - O presidente dos Estados Unidos Franklin D. Roosevelt assina o Decreto Executivo nº 8.802 em que reafirma a política de plena participação, no Programa de Defesa, de todas as pessoas, independentemente de raça, credo, cor ou origem nacional. (1941)
25 - Fundação da FRELIMO - Frente de Libertação de Moçambique. (1962)
25 - Independência de Moçambique. (1975)
26 - Onze jovens moradores na Favela de Acari, subúrbio do Rio de Janeiro saem de casa e não mais retornam, nascendo então o movimento denominado Mães de Acari. (1990)
26 - Independência da Somália / 1960
27 - Independência de Djibuti. (1976)
27 - Nasce em Usina Barcelos, município de Campos (RJ), a atriz e cantora Maria José Motta - Zezé Motta. (1944)
28 - Nasce em Santo Amaro (BA), Manuel Querino, estudioso das questões etnográficas e sociológicas relativas ao negro no Brasil. (1851)
28 - Decreto sobre imigração determina que os asiáticos e africanos somente mediante autorização do Congresso Nacional poderiam ser admitidos nos portos da República. (1890)
28 - Uma jovem negra, Vera Lúcia Couto, é eleita pela primeira vez Miss Guanabara. (1964)
29 - Independência de Seychelles. (1976)
29 - Nasce em Salvador (BA) Gilberto Passos Gil Moreira, Gilberto Gil, cantor, compositor, integrante do movimento tropical Tropicália, autor de "Procissão", "Domingo no Parque", "Aquele Abraço", "Refavela", "Super Homem", entre outras músicas de sucesso.(1942)
30 - Independência do Zaire. (1960)
30 - Estréia no Teatro Rialto (RJ) com o espetáculo "Tudo Preto", a Companhia Negra de Revista. (1926)
30 – Nasce, nos Estados Unidos, o campeão mundial de boxe, Michael Gerald Tyson - Mike Tyson. (1966)

.

Pesquisa personalizada



IMPLICAÇÕES DO ENSINO DE HISTÓRIA E CULTURA AFRO-BRASILEIRAS À DISTÂNCIA

Olá a todas e todos!Nesta semana, discutiremos sobre o ensino de História e Cultura Afro-brasileiras à distância e...

Posted by Ead no Face on Sábado, 18 de abril de 2015

Olá a todas e todos!Há algumas décadas atrás, o uso de tecnologias digitais era algo extremamente inovador e, para...

Posted by Ead no Face on Domingo, 19 de abril de 2015

Olá a todas e todos!Em franca expansão desde a popularização da internet, o ciberespaço abriga não somente iniciativas...

Posted by Ead no Face on Segunda, 20 de abril de 2015

Olá a todas e todos!A partir da promulgação da Constituição de 1988, foi criado um aparato legal que torna obrigatória...

Posted by Ead no Face on Terça, 21 de abril de 2015

Olá a todas e todos!As políticas públicas educacionais incorporaram a perspectiva do reconhecimento ao contemplarem...

Posted by Ead no Face on Quarta, 22 de abril de 2015

Olá a todas e todos!Considerando os limites e as possibilidades formativas proporcionadas pela Educação a Distância,...

Posted by Ead no Face on Quinta, 23 de abril de 2015

Olá a todas e todos!Como vimo ao longo desta semana, o movimento que culminou com a obrigatoriedade da inclusão de...

Posted by Ead no Face on Sexta, 24 de abril de 2015

sexta-feira, 24 de outubro de 2008

Seminário de História e Cultura Afro-Brasileira e Indígena - BA

O Grupo INCLUIR está organizando o Seminário de História e Cultura Afro-Brasileira e Indígena, dando cumprimento ao que estabelece a Lei 11.645/2008, que preconiza a inclusão de estudos da história e da cultura afro-brasileira e indígena nos currículos da Educação Básica.

O evento, com o tema geral – Negros e Indígenas na Construção da Identidade Nacional, abordará temas relacionados à participação das diversas etnias africanas e indígenas na construção da sociedade e da cultura brasileira, além de focalizar questões relativas à construção da identidade etno-cultural.

O seminário ocorrerá nos dias 24 e 25 de outubro de 2008, com a presença de Professores renomados, especializados na temática indicada, dentre eles o Prof Dr. Ricardo Franklin Ferreira, da Universidade São Marcos/SP, autor do livro: Afrodescendente: Identidade em Construção, e a Profa Dra Marina de Mello e Souza da USP/SP, autora do livro: África e Brasil Africano.

PROGRAMAÇÃO

DIA 24/10 – sexta-feira.

19:00h – Inscrição e credenciamento.

19:30h – Abertura.

20:00h – Conferência: Construção da identidade numa Sociedade Multicultural Prof.

Dr. Ricardo Franklin Ferreira (Departamento de Psicologia Social da Universidade São Marcos/SP).

21:00 às 22:00h – Debate.

DIA 25/10 – sábado (pela manhã).

08:30h às 11:00h – Painel I: Educação e identidade Etno-cultural - Coordenação: Profa.

Ms. Maria José de S. Andrade (UCSal).

- Língua, linguagem e identidade indígena Profª. Drª. América Lúcia Cesar

(UNEB).

- Compreensões de afrodescendência Profª. Drª. Marli Geralda Teixeira

(UFBA/PATÍ).

- A família e a escola na construção da identidade etno-cultural – Prof. Dr. Ricardo

Franklin Ferreira (Universidade São Marco/SP)

DIA 25/10sábado (pela tarde).

14:00h às 16:00h – Painel II: Representações do negro e do indígena nas manifestações

culturais – Coordenação: Prof. Dr. Djalma S. dos Santos (UFBA/UNEB/PATÍ).

- Representações do negro na música popular brasileira – Prof. Ms. Antônio Jorge

Godi (UEFS/BA)

- O indígena no livro didático – Prof. Ms. Francisco Alfredo Guimarães (UNEB).
- O negro no livro didático - Profª Drª Marina de Mello e Sousa (USP/SP).

16:00h às 18:00 – Discussão.

18:00h – Encerramento e confraternização.

Data: 24 e 25 de outubro/2008.

Local: Vilamar Hotel – Salão de Eventos.

Endereço: Av. Amaralina nº 111, Amaralina – Salvador/Ba.

Público Alvo: professores do ensino fundamental e do médio, das redes pública e particular da Bahia; estudantes universitários; outros profissionais interessados.

Inscrições – Local: Travessa dos Barris, nº 30 – Barris (Associação PATÍ).

Investimento: Professores e profissionais graduados: R$ 80,00.

Estudantes e professores do SINPRO: R$ 50,00

Informações:

Associação PATÍ –
Tel: (71) 3328-4955 / 3328-1589
www.grupoincluir.com.br

Serão emitidos certificados onde constarão
os nomes dos palestrantes e o número de horas.

Coordenação Geral do Programa – Profª. Drª. Alda Pepe (INCLUIR/PATÍ/UFBA).

Coordenação do curso de História e Cultura Afro-breasileira e Indígena.

Profª. Drª. Marli Geralda Teixeira (INCLUIR/PATÍ/UFBA).

Prof. Dr. Djalma Santos (INCLUIR/UNEB/UFBA).

Nenhum comentário:

Postar um comentário