SEGUIDORES DO BLOG

.

.



CALENDÁRIO NEGRO - FEVEREIRO

1 - Nascimento, em Minas Gerais, da antropóloga e filósofa Lélia Gonzalez, intelectual e militante / 1935
1 - Nasce em Joplin, Estado do Missouri (EUA), o escritor e poeta Langst Hughes. (1902)
2 - Dia consagrado a Orixá Yemanjá.
2 - Nasce em Tiradentes (MG) o compositor, organista, relojoeiro, pintor, escultor, calígrafo e perito em iluminuras, Manuel Dias de Oliveira. (1738)
2 - Assinada a Lei do Ventre Livre no Uruguai. (1813).
2 - Nasce em Vitória (ES), a atriz e escritora Elisa Lucinda. (1958)
2 - O plenário da Constituinte aprova a emenda de autoria do Deputado Federal Carlos Alberto de Oliveira - Caó, do PDT (RJ) - estabelecendo que racismo passa a ser crime inafiançável e imprescritível. (1988)
3 - Alvará manda marcar com um F a espádua dos escravos fugitivos em Minas Gerais. (1741)
3 - O governo de Frederick de Klerk anuncia a libertação iminente de Nelson Mandela, após 26 anos de prisão, e apresenta um pacote de medidas: legalização do Congresso Nacional Africano, o fim da pena de morte, a soltura de presos políticos não envolvidos em mortes ou atos de terrorismo. O líder negro exige mais concessões para ser libertado.
4 - Início da luta armada pela independência de Angola. (1961)
5 - Nasce no município de Campos, Estado do Rio de Janeiro, a partideira Dona Ana Bororó (1924)
6 - É destruído o Quilombo dos Palmares. (1694)
6 - Nasce no bairro da Piedade, Rio de Janeiro, Euzébia Silva de Oliveira, D. Zica da Mangueira. (1913)
6 - Nasce em Igarapava (SP) o cantor Jair Rodrigues de Oliveira - Jair Rodrigues. (1939)
6 - Nasce em Nine Mile, Sant'ana, norte da Jamaica, Robert Nesta Marley - Bob Marley, a maior estrela do reggae jamaicano. (1945)
7 - Nasce no bairro de Carambita, em Valença, a "capital do vale da escravidão", (RJ), Clementina de Jesus da Silva, a "Mãe Quelé". (1901)
7 - Independência de Granada. (1974)
9 - Nasce em Georgia, sul dos Estados Unidos, Alice Walker, incluída entre as/os melhores escritores/as americanos/as contemporâneos/as. (1944)
10 - Nasce em Salvador (BA), Maria Escolástica da Conceição Nazaré, a Mãe Menininha do Gantois. (1894)
10 - Nasce nos Estados Unidos a cantora e instrumentista Roberta Flack. (1940)
10 - A sambista Isabel Valença sagra-se vencedora na categoria luxo feminino no concurso do Teatro Municipal (RJ), desfilando com a fantasia "Rainha Rita de Vila Rica". (1964)
10 - O governo do General Médici proíbe a publicação de notícias sobre índios, esquadrão da morte, guerrilha, movimento negro e discriminação racial. (1969)
10 - Inaugurado no Terreiro do Gantois, bairro da Federação, Salvador (BA), o Memorial Mãe Menininha. (1992)
11 - Nelson Mandela é libertado pelo governo racista da África do Sul, depois de 27 anos preso. (1990)
12 - Nascimento de Arlindo Veiga dos Santos, acadêmico e primeiro Presidente da Frente Negra Brasileira (1902)
12 - Nasce em Duas Barras (RJ) o compositor e cantor Martinho José Ferreira, o Martinho da Vila, um dos grandes criadores do samba carioca e um dos maiores impulsionadores das relações culturais entre o Brasil e o continente africano. (1938)
12 - Nasce em Garanhuns (PE) o cantor, compositor e instrumentista José Domingos de Morais - Dominguinhos. (1941)

12 - Admitido o primeiro universitário negro na Universidade de Alabama - EUA (1956)
13 - Tem início com Amilcar Cabral em Cassaca, o I Congresso do PAIGC, nas zonas libertadas do sul, que operou uma mudança decisiva no avanço da luta armada. (1964)
14 - Nasce nos Estados Unidos, Frederick Douglas, escritor, defensor da causa abolicionista. (1817)
16 - Nasce na Filadélfia (EUA), a cantora de ópera Marian Anderson. (1897)
17 - Nasce no Brooklyn, Nova York (EUA), o jogador de basquete Michael Jefrrey Jordan, Michael Jordan. (1963)
18 - Fundação em Salvador (BA), do Afoxé Filhos de Gandhi. (1949)
18 - Independência de Gâmbia. (1965)
19 - O americano W. E. B. Dubois, um dos pioneiros da luta pela independência e unidade africana, organiza o I Congresso Pan-Africano, em Paris. (1919)
19 - Carter G. Woodson cria, nos EUA, a "Negro History Week", atualmente o "Black History Month" (Mês da História Negra) / 1926
20 - Publicada Carta Régia declarando que "sendo presente o demasiado luxo das escravas no Brasil, e devendo evitar-se esse excesso e o mau exemplo que dele podia seguir-se", El-rei era servido resolver que as escravas de todo o Brasil em nenhuma capitania pudesse usar vestidos de seda, de cambraia, ou halandas, com rendas ou sem elas, nem também de guarnição de ouro ou prata nos vestidos. (1696).
20 - Nasce em Miami (EUA), o ator, diretor e Embaixador das Bahamas no Japão, Sidnei Poitier (1924 ou 1927)
22 - É organizada em Nova Iorque (EUA), a Associação Nacional de Ajuda aos Libertos. (1862)
22 - É destruído um quilombo na localidade entre os arroios Sampaio e Taquari Mirim, Rio Pardo (RS) (1853)
23 - Nasce em Great Barrington, Massachusetts (EUA), Willian Edward Burghard Dubois, considerado pai dos movimentos pelos direitos civis nos Estados Unidos e precursor do pan-africanismo. (1868)
23 - O artista plástico Arthur Bispo do Rosário é levado pelas mãos do pai para o Escola de Aprendizes, no Quartel Central do Corpo de Marinheiros Nacionais Villegaignon no Rio de Janeiro, recebendo o número 15148.
23 - Nasce o ator e artista plástico Antonio Pompêo. (1953)
24 - Nasce na Cidade de Aurora (CE), o artista plástico Geraldo Simplício - Nêgo. (1943)
25 - Nasce em Glória do Goitá (PE), João Francisco dos Santos, Madame Satã, o primeiro travesti artista do Brasil e famoso malandro do Rio de Janeiro, (1900)
25 - O pugilista Cassius Clay ganha o título de Campeão Mundial de Boxe na categoria peso pesado, ao derrotar na cidade de Miami, Flórida (EUA), Sonny Liston. (1964)

26 - As potências europeias repartem o continente africano /1885
26 - Nasce no Rio de Janeiro o cantor Wilson Simonal de Castro - Wilson Simonal. (1939)
27 - Independência da República Dominicana. (1844)
28 - Criação do Quilombhoje Literatura / 1980

.

Pesquisa personalizada

sexta-feira, 24 de outubro de 2008

Seminário de História e Cultura Afro-Brasileira e Indígena - BA

O Grupo INCLUIR está organizando o Seminário de História e Cultura Afro-Brasileira e Indígena, dando cumprimento ao que estabelece a Lei 11.645/2008, que preconiza a inclusão de estudos da história e da cultura afro-brasileira e indígena nos currículos da Educação Básica.

O evento, com o tema geral – Negros e Indígenas na Construção da Identidade Nacional, abordará temas relacionados à participação das diversas etnias africanas e indígenas na construção da sociedade e da cultura brasileira, além de focalizar questões relativas à construção da identidade etno-cultural.

O seminário ocorrerá nos dias 24 e 25 de outubro de 2008, com a presença de Professores renomados, especializados na temática indicada, dentre eles o Prof Dr. Ricardo Franklin Ferreira, da Universidade São Marcos/SP, autor do livro: Afrodescendente: Identidade em Construção, e a Profa Dra Marina de Mello e Souza da USP/SP, autora do livro: África e Brasil Africano.

PROGRAMAÇÃO

DIA 24/10 – sexta-feira.

19:00h – Inscrição e credenciamento.

19:30h – Abertura.

20:00h – Conferência: Construção da identidade numa Sociedade Multicultural Prof.

Dr. Ricardo Franklin Ferreira (Departamento de Psicologia Social da Universidade São Marcos/SP).

21:00 às 22:00h – Debate.

DIA 25/10 – sábado (pela manhã).

08:30h às 11:00h – Painel I: Educação e identidade Etno-cultural - Coordenação: Profa.

Ms. Maria José de S. Andrade (UCSal).

- Língua, linguagem e identidade indígena Profª. Drª. América Lúcia Cesar

(UNEB).

- Compreensões de afrodescendência Profª. Drª. Marli Geralda Teixeira

(UFBA/PATÍ).

- A família e a escola na construção da identidade etno-cultural – Prof. Dr. Ricardo

Franklin Ferreira (Universidade São Marco/SP)

DIA 25/10sábado (pela tarde).

14:00h às 16:00h – Painel II: Representações do negro e do indígena nas manifestações

culturais – Coordenação: Prof. Dr. Djalma S. dos Santos (UFBA/UNEB/PATÍ).

- Representações do negro na música popular brasileira – Prof. Ms. Antônio Jorge

Godi (UEFS/BA)

- O indígena no livro didático – Prof. Ms. Francisco Alfredo Guimarães (UNEB).
- O negro no livro didático - Profª Drª Marina de Mello e Sousa (USP/SP).

16:00h às 18:00 – Discussão.

18:00h – Encerramento e confraternização.

Data: 24 e 25 de outubro/2008.

Local: Vilamar Hotel – Salão de Eventos.

Endereço: Av. Amaralina nº 111, Amaralina – Salvador/Ba.

Público Alvo: professores do ensino fundamental e do médio, das redes pública e particular da Bahia; estudantes universitários; outros profissionais interessados.

Inscrições – Local: Travessa dos Barris, nº 30 – Barris (Associação PATÍ).

Investimento: Professores e profissionais graduados: R$ 80,00.

Estudantes e professores do SINPRO: R$ 50,00

Informações:

Associação PATÍ –
Tel: (71) 3328-4955 / 3328-1589
www.grupoincluir.com.br

Serão emitidos certificados onde constarão
os nomes dos palestrantes e o número de horas.

Coordenação Geral do Programa – Profª. Drª. Alda Pepe (INCLUIR/PATÍ/UFBA).

Coordenação do curso de História e Cultura Afro-breasileira e Indígena.

Profª. Drª. Marli Geralda Teixeira (INCLUIR/PATÍ/UFBA).

Prof. Dr. Djalma Santos (INCLUIR/UNEB/UFBA).

Nenhum comentário:

Postar um comentário