SEGUIDORES DO BLOG

Pesquisa

Pesquisa personalizada

Calendário Negro - Julho

01 - Independência de Ruanda, África / 1960
01 - Independência de Burundi, África / 1962
02 - Nascimento de Franz Fanon, médico psiquiatra e revolucionário / 1921
02 - Nascimento de Patrice Lumumba / 1925
03 - Aprovada a Lei Afonso Arinos, colocando a discriminação racial como contravenção penal / 1951
03 - Independência da Argélia, África / 1962
05 - Independência de Cabo Verde / 1975
07 - Leitura, em frente ao Teatro Municipal, de carta aberta à nação contra o racismo, inaugurando o Movimento Negro Unificado Contra a Discriminação Racial (depois MNU) / 1978
08 - Fundação do Instituto de Pesquisas da Cultura Negra (IPCN), Rio de Janeiro / 1975
12 - Independência de São Tomé e Príncipe / 1975
15 - Ocorre a primeira Conferência sobre a Mulher Negra nas Américas, Equador / 1984
17 - O ator Grande Otelo recebe o título de Cidadão Paulistano / 1978
18 - Nascimento do líder sul-africano Nelson Mandela / 1918
24 - Nascimento do poeta Solano Trindade, em Pernambuco / 1908
25 - Dia da Mulher Afro-latino-americana e Caribenha
26 - Independência da Libéria, África/ 1846




domingo, 16 de março de 2014

Lançamento do Fórum Estadual de Assistência Estudantil da Rede de Educação Profissional e Superior Baiana - BA


“UMA DÉCADA DE AÇÕES AFIRMATIVAS”

Estamos organizando, a partir da articulação das Instituições Públicas de Educação Profissional e Superior da Bahia, o lançamento do FÓRUM ESTADUAL DE ASSISTÊNCIA ESTUDANTIL DA REDE DE EDUCAÇÃO PROFISSIONAL E SUPERIOR BAIANA.  A ideia inicial era promover um Encontro de três dias (19, 20 e 21 de março) para, além de lançar o Fórum, desenvolver grupos de trabalho e oficinas. No entanto, consideramos que a articulação de encontros e debates futuros perpassa primeiro por este momento de instituição do Fórum, para melhor compreender e aglutinar as Instituições de ensino.
Convidamos todas as Instituições (gestores e profissionais) de ensino público baiana para estarem presentes no dia 19 de março de 2014, 19h, no auditório do Instituto de Saúde Coletiva – ISC (UFBA) para lançamento do referido fórum. Essa data antecipa as memórias e discussões sobre o Dia 21 de março, promulgado pela ONU como o “Dia Internacional de Luta pela Eliminação da Discriminação Racial”.
 Segue abaixo a programação da nossa noite de lançamento. Solicitamos aos gestores das Instituições de Ensino que convidem os profissionais que atuam na Assistência Estudantil, bem como as representações estudantis. Na oportunidade, devem ser indicados os nomes das representações de cada Instituição para compor o Fórum, assim organizado: 1 gestor, 2 profissionais que atuam na área e 1 representante estudantil.

PROGRAMAÇÃO DO LANÇAMENTO DO FÓRUM:

Data: 19/03/2014
Local: Auditório do Instituto de Saúde Coletiva – ISC (UFBA).
Rua Araújo Pinho, s/n, Canela, Salvador, Bahia.
18h - Acolhimento
18h30 - Mesa de abertura: Representantes das organizações promotoras

19h – Conferência: UMA DÉCADA DE AÇÕES AFIRMATIVAS NA BAHIA
Expositores:
  • Naomar Monteiro de Almeida Filho – Reitor da Universidade Federal do Sul da Bahia
  • Ivete Sacramento – Secretaria Municipal de Igualdade racial
  • Marluce Macedo Pró-Reitora de Ações Afirmativas  (UNEB)
Mediadora:
  • Dulce Tâmara da Rocha Lamego  da Silva  Pró-Reitora de Ações Afirmativas e Assistência Estudantil (UFBA)

20h30 - INSTITUIÇÃO DO FÓRUM ESTADUAL DE ASSISTÊNCIA ESTUDANTIL DA REDE DE EDUCAÇÃO PROFISSIONAL E SUPERIOR BAIANA (FEPAE – BA)
  • Explanação de Profº Ronaldo Crispim Sena Barros – Pro-Reitor de Políticas Afirmativas e Assuntos Estudantis da UFRB

PROPOSTA DE ORGANIZAÇÃO DO FÓRUM
O Fórum de Assistência Estudantil da Rede de Educação Profissional e Superior Baiana deverá buscar a aproximação dos variados segmentos que atuam na assistência ao educando com o intuito de fortificar cada vez mais a inclusão dos discentes, o interesse da coletividade, bem como a troca de experiências daqueles que já estão inseridos na educação.
A proposta é que esse Fórum configure-se como espaço permanente para discussão e deliberação em torno da Política de Assistência Estudantil e sua execução nas agências de ensino profissional e superior públicas do Estado da Bahia. Além disso, elaborar propostas de atuação integradas para o eficaz atendimento das demandas discentes na perspectiva de garantia da sua permanência e sucesso acadêmico nos anos de estudo.  A iniciativa visa promover debates sobre a assistência estudantil consolidando-se como um canal propositivo e dialógico, capaz de suscitar novas perspectivas de engajamento profissional no contexto dessa política, observando as transformações ocorridas na educação a partir da ampliação do acesso da classe trabalhadora.

Participantes do Fórum:

·         Técnicos Administrativos envolvidos diretamente com a assistência estudantil, quais sejam: Assistentes Sociais, Pedagogos, Psicólogos, Nutricionistas, Assistente de alunos, Enfermeiros e técnicos em enfermagem, Médicos, Odontólogos;
·         Representações estudantis, tais como: grêmios, diretórios e centros acadêmicos, conselhos de residentes, membros dos conselhos Superiores;
·          Coordenadores de curso e de setores ligados à Política de assistência Estudantil; Gestores Institucionais (Diretor Geral, Direção de Ensino e Direção de Administração) e seus respectivos Coordenadores, demais servidores interessados.

Composição do Fórum:
·                     Cada Instituição de ensino deverá indicar: 1 gestor, 2 profissionais que atuam na assistência estudantil e 1 representante estudantil;
·                     Cada Instituição não governamental deverá indicar 1 representante.

Organização do Fórum:

·         Na primeira reunião do Fórum, seus representantes deverão elaborar e aprovar o seu regimento interno;
·         O Fórum deve se reunir mensalmente;
·         O Fórum deve organizar, a cada dois anos, um encontro de assistência estudantil;
·         O Fórum terá uma coordenação, que a cada dois anos é substituída por uma Instituição que o compõe.

Organizações Promotoras do evento:
UFBA, IFBA, UFRB, Frente Parlamentar de Assistência Social, CRESS, CRP, ABPESS, Centro de Combate ao Racismo e Intolerância religiosa, NEPGREG – Núcleo de Estudos  e Pesquisas Gênero, Raça, Etnia e Geração, DAMED-UFBA.

Organizações que  poderão participar do FÓRUM:

UFBA, IFBA, IFBaiano, UFRB, UNEB, UEFS, UESB, UESC, UNIVASF, UNILAB, UFESBA, Frente Parlamentar de Assistência Social, CRESS, CRP, ABPESS, Centro de Combate ao Racismo e Intolerância religiosa, Conselho Estadual de Educação, Conselho Estadual dos Direitos Humanos, DAMED-UFBA.

Nenhum comentário:

Postar um comentário